“Pellets” apontam uma nova alternativa

Na noite de quinta-feira (30/06), no Salão de Eventos da Associação Comercial e Industrial de Uruguaiana (Aciu), foram apresentadas alternativas de “Aproveitamento de resíduos de madeira para a geração de energia” pelo presidente da Agência de Desenvolvimento de São Borja (ADSB), José Francisco Rangel, a convite do presidente da Agência de Desenvolvimento de Uruguaiana (ADU), Fernando Menezes. A abertura da reunião foi realizada pelo presidente da Aciu, Luis Oscar Kessler. Na ocasião estiveram reunidos empresários locais, com o objetivo de conhecer a novidade que está sendo muito utilizada em países euroupeus: os pellets. Eles são fabricados a partir de resíduos florestais e geram energia. Na região, Rangel informou que a matéria-prima será proveniente de florestas implantadas na Argentina, cuja entrada no Brasil já está liberada. Segundo ele, em São Borja o projeto deverá iniciar no segundo semestre deste ano, com a instalação da planta para o processamento dos pellets, a qual ficará pronta em 18 meses. Conforme Menezes (ADU), existe a possibilidade de uma nova planta ser instalada em Uruguaiana, mas que depende do interesse dos empresários locais. “Atualmente os pellets são muito utilizados na Europa. Seria importante que os empresários e produtores brasileiros implantassem áreas florestais para obterem a matéria-prima”, finalizou.

Redaçã/Fotos: Giovana Petrocele

Categorias: ACIU

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.